Demonstrações Contábeis  – Imersão Prática com base no  IFRS/CPCs

Data: 25/03, 01,08,15 e 22/04

Horário: 9h às 18h | Quartas-feira

Carga horária: 40h/a

Local: Av. Paulista, 1159, 16º, andar - Bela Vista, São Paulo - SP

Curso Demonstrações Contábeis  – Imersão Prática com base no  IFRS/CPCs

Público-alvo

Profissionais da área Contábil, Consultores, Auditores, Administradores, Empresários, Economista s e demais profissionais interessados no assunto.

Objetivo

A preparação e análise dos principais demonstrativos financeiros: balanço patrimonial, demonstração de resultados e fluxo de caixa, DMPL vem sendo alvo de discussões, sempre com o objetivo de que as informações sejam úteis e parte integrante do processo decisório.

O objetivo deste curso é  propiciar o entendimento de como são elaborados os demonstrativos financeiros e da relevância de suas informações para a tomada de decisão e acompanhamento da performance e riscos.

Este curso será ministrado com base nas boas práticas contábeis e apoiado  nos parâmetros do IFRS/CPC.

Apresentação:
Equipe Técnica COAD Educação
» Conheça nossos instrutores, clique aqui!

Valor Sob Consulta


 

Conteúdo do Curso Demonstrações Contábeis  – Imersão Prática com base no  IFRS/CPCs

MÓDULO I – Estruturação, Preparação e Apresentação do Balanço  

 

  • Finalidade das demonstrações contábeis
  • Conjunto completo de demonstrações contábeis

 

     – Relatório da administração e outros relatórios

 

  • Apresentação e conformidade com as práticas contábeis brasileiras 

 

– Demonstrações contábeis em conformidade com os pronunciamentos, interpretações e orientações do CPC

           – Item de informação versus objeto das demonstrações contábeis

 

  • Elementos Estruturantes 

 

– Continuidade

     – Regime de competência

     – Materialidade e agregação

     – Compensação de valores

     – Frequência de apresentação de demonstrações contábeis

    – Informação comparativa

     – Apresentação das demonstrações contábeis – Quantidade mínima

     – Reclassificação dos montantes apresentados para fins comparativos

     – Reclassificação dos montantes – Impossibilidade

 

  • Estrutura e Conteúdo

 

– Identificação das demonstrações contábeis

    – Apresentação em milhares ou milhões

     – Balanço Patrimonial

     – Ordem ou formato utilizados na apresentação das contas patrimoniais

     – Distinção entre circulante e não circulante

     – Ciclo operacional

     – Ordem crescente ou decrescente de liquidez

     – Datas previstas para a realização de ativos e passivos – Utilidade

     – Ativo Circulante

     – Ativo Não Circulante

     – Passivo Circulante

– Itens que, por sua natureza, pertencem ao circulante

    – Passivos financeiros que proporcionam financiamento a longo prazo

     – Classificação dos passivos financeiros como circulante

     Roll over

     – Compromisso de longo prazo que se torna um Passivo Circulante

     – A questão dos empréstimos classificados como Passivo Circulante

 

Mod. II – Análise das Demonstrações Contábeis 

 

  • Análise de Balanços 

 

– Análise Horizontal, Análise Vertical com Inflação, EBITDA

– Índices do “check-up” Financeiro 

– Índices de Liquidez e Rentabilidade

– Índices de Alavancagem 

– Índices de Atividades

– Como Analisar as Variações do Resultado Mensal 

– Exercícios

  • Análise de Custos e Determinação do Preço de Venda 

– Evolução do Sistema de custos

– Análise de Custos: 

  • Custo Direto
  • Custo Baseado em Atividades
  • Critérios de Rateios
  • Margem de Contribuição
  • Ponto de Equilíbrio
  • Análise Custo X Volume X Lucro
  • Retorno de Investimento

 

Mod. III – DRE, DRA, DMPL, Notas Explicativas, Políticas Contábeis e Estimativas 

 

  • Demonstração do resultado abrangente

 

  • Itens de divulgação obrigatória
  • Inclusão de outras rubricas na demonstração do resultado abrangente e na demonstração do resultado do período
  • Resultado líquido do período
  • Outros resultados abrangentes do período
  • Reclassificação de resultados abrangentes para o resultado do período
  • Apresentação dos ajustes de reclassificação

 

 

  • Demonstração do resultado do período ou nas Notas Explicativas

 

– Análise das despesas

– Método da natureza da despesa

– Método da função da despesa ou do “custo dos produtos e serviços vendidos”

– Escolha do método

 

  • Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido (DMPL)

 

– O que deve constar do Patrimônio Líquido

– Ajustes retrospectivos

 

  • Notas explicativas

 

– Estrutura

– Forma de apresentação

 

  • Divulgação de políticas contábeis

 

– Utilização de mais de uma base de mensuração

– Política contábil a ser utilizada

– O que divulgar no resumo das políticas contábeis

 

  • Principais fontes da incerteza das estimativas

 

– Definição dos montantes de ativos e passivos

– Fontes da incerteza das estimativas

  – Aspectos relacionados à divulgação

  – Impossibilidade de divulgar a extensão dos efeitos da fonte principal de incertezas

 

Mod. IV – Demonstração do Fluxo de Caixa – DFC  

 

  • Elaboração e Apresentação da DFC

 

– Considerações iniciais

– Estrutura Internacional da DFC (IAS 7)

– Benefícios da DFC

– Significado de Caixa e Equivalente de Caixa

– Grupo de contas que compõem a DFC

– Relação entre o Fluxo Econômico e Financeiro

– Transações que envolvem Caixa ou Equivalentes de Caixa

– Transações que não envolvem Caixa ou Equivalentes de Caixa

– Fluxos de Caixa em moeda estrangeira

– Classificação e análise por atividades 

– Atividades Operacionais 

– Atividades de Investimento

– Atividades de Financiamento

– Elaboração pelos Métodos Direto e Indireto

– Conciliação entre o Lucro Líquido e o Fluxo de Caixa das Atividades Operacionais

– Divulgação da DFC juntamente com as demais demonstrações financeiras no encerramento do exercício para atendimento legal

– Notas Explicativas às Demonstrações Contábeis

– Caso prático. 

Mod. V – Equivalência Patrimonial e Consolidação de Balanços 

 

  • Avaliação de Investimentos (Método de Custo – Equivalência Patrimonial) 

 

– Influência significativa

– Investimentos em coligadas e controladas (Brasil e Exterior)

– Métodos do Custo 

– Método da Equivalência Patrimonial 

– Exemplos de Ajustes 

– Balanço ou Balancete da Coligada ou Controlada

– Ajuste na Alienação

– Ganho ou Perda de Capital

– Consolidação das Demonstrações Financeiras

– Conceito

– Abrangência

– Procedimentos de Consolidação

– Perda de controle

– Divulgação

– Exercícios


Inclui: Material Didático e Certificado
Pagamento: Boleto e depósito à vista ou cartão de crédito (Visa, Credicard, Amex)
Informações e Inscrições: (11) 2366-7242 |  (11) 2366-7298 | (11) 2366-7893
Entre em contato

* As datas de início dos cursos e professores estão sujeitos à alteração.

Valor Sob Consulta